Viseu Esquerda

A Igreja e a última homilia: gays + judeus = Pedofilia!?

Etiquetas: , , ,
Se é pedófilo é porque é homossexual, se denuncia o crime é porque é judeu! Eis um resumo da estapafúrdia defesa da ICAR (Igreja Católica e Apostólica Romana) sobre os recentes escândalos de pedofilia que têm marcado a agenda mediática. E não foi um qualquer padreco mais radical que defendeu tal tese, foram apenas o número dois do Vaticano Tarcisio Bertone e o bispo de Grosseto.



Casos estes que são apenas recentes na visibilidade, mas que se vêm perpetuando ao longo de séculos de abusos e prepotências várias sobre os mais pobres e os mais frágeis, sempre ocultados pelo dogma da cegueira a quem alguns chamam fé, e sempre alicerçados numa suposta superioridade moral legitimada pelos vários poderes.

Entretanto, o governo "SOCIALISTA" decreta tolerância de ponto para quem quiser ir ao beija-mão da santa iminência. Haja decoro. Uma vergonha num Estado Laico e Republicano, uma injustiça relativamente a todas as outras religiões, seitas e contos do vigário.

Mas graças a Deus, que por aí começam a surgir cada vez mais Ateus!
5 comentários:

Boa tarde.
Como declaração de "Interesses" devo dizer que sou Ateu. E politicamente liberal (socialmente e economicamente embora nas cabeças pequenas desta cidade possa parecer um contra-censo.

Concordo com o que diz.A Fé mal usada (pois nada tenho contra os "bons" de espírito que a propagam) serviu durante toda a história para encobrir abusos. Por outro lado serviu inicialmente como elemento aglutinador de povos de modo a construir nações cimentando valores unificadores.
Acho que em nome dos valores da igreja católica estes casos devem ser denunciados e os autores punidos severamente, pela hierarquia católica e pela justiça civil. Temo que estes casos sejam abafados.
AnónimoBastanteConhecido


Contra-censo nenhum caro,

Surpreendente é haver por aqui no rectângulo quem seja liberal economicamente, estado na economia só para alavancar a banca; e conservador nos costumes! Um verdadeiro processo de selecção natural...

Até porque basta ir um bocadinho por essa Europa fora para constatar à direita e à direita-extrema, que existem desde políticos gays, a defensores da legalização das drogas leves ou pró-despenalização da IVG...

Aqui, pelo contrário, o liberalismo escuda-se no conservadorismo bafiento, o que em si já é uma contradição, ou então apenas mais uma originalidade nacional, tal como os sociais-democratas de direita...

Cps


Caro M. Daniel,

Sempre achei que não quero o estado a controlar os nossos costumes, se 2 pessoas do mesmo sexo querem casar assim seja, se uma mãe entende que não pode ter o filho em determinado momento avance para a ivg, se um jovem quer fumar haxixe é com ele.
Também sei que não é justo que os portugueses tenham de pagar a factura da RTP (empresa que não considero estratégica para os interesses nacionais, ao contrário da TAP e EDP)por isso que se privatize a RTP. EM termos Económicos o estado terá apenas de regular o bom funcionamento do mercado (ser um policia do mercado de modo a que este não entre em excesso).
O principal problema é que em Portugal ninguém pensa assim.
Ou estão totalmente de um lado ou totalmente do outro.
Relativamente a Sociais Democratas tal como Socialistas em portugal são espécies em vias de extinção, raros nesta fauna de oportunistas.

Os Partidos simplesmente pregam de acordo com os seus interesses (sendo verdade que em todos eles existem pessoas sérias e válidas pena é que são poucos).

Tenho pena que algumas pessoas (dos poucos que o fazem) apenas leiam ou Marx e esqueçam E. Burk e vice-versa.

Tentem ler os 2 lados, sei que dá trabalho e dura algum tempo, mas ficam com uma visão mais clara das coisas.
A si Daniel Nicola obrigado por aceitar os meus comentários, e dar a "cara"por um dos lados da barricada. tenho pena que sejam poucos a escrever por um ou outro lado.

AnónimoBastanteConhecido


Caro, não sabendo eu quem é, garanto-lhe no entanto que aprecio bastante os suas comentários, não obstante aquilo que nos separa, por isso pode e deve escrever por aqui sempre que assim o entender.

Penso que um partido não vincula nem necessariamente, nem obrigatoriamente os militantes ao programa na sua totalidade, à subscrição de todos os seus pontos. Eu milito no Bloco de Esquerda, e concordando com grande parte das suas orientações, discordo no entanto com outras que não discriminarei aqui por não ser este o espaço, ou mais concretamente, o post, porque a discussão pública é clarificadora.

E falo dos partidos porque o referiu e porque também acho que devemos fazer um esforço para agregar o maior número possível de pessoas numa causa, num ideal, num projecto de modo a levá-lo avante com a máxima força. E a sua objectivação tornar-se-ia inviável se cada um nas pequenas diferenças que nos fazem indivíduos, tentasse remar apenas para aquilo que entendesse ser o melhor, isto é, teríamos por exemplo em Portugal, cerca de 10 milhões de partidos/movimentos. Daí ser um partidário... dos partidos/movimentos.

Com pena minha, terei que hoje ficar por aqui, mas com tempo, entraremos numa argumentária mais co-substancial.


Caro Daniel.

Tem toda a razão um partido não vincula os seus militantes à subscrição dos seus pontos de vista, pelo menos nenhum partido democrático.

E por nas linhas que escreve perceber isso (que o sr. Não é mais um dos muitos militantes acéfalos que reinam nos partidos nacionais) tenho todo o gosto em "debater" consigo.

Cumprimentos,

AnónimoBastanteConhecido


Enviar um comentário

Não serão aceites comentários em linguagem beirã*! Para isso visite www.fernandoruas2009.pt! (*insultuosa, mentecapta)

Blogues

Marcadores

O Melhor da Informação em pt

Stay Rude, Stay Rebel

Stay Rude, Stay Rebel
Stay rude against facist regimes, Stay rebel against politicians dreams, Stay rude and fight back injustice, Stay rebel against racial prejudice, Stay rude and stay cool, Stay rebel be nobodys fool, Stay rude against any command, Stay rebel take your life in your hand, Sharpskins remember their roots, Think with their brains not with their boots...

Author

E porque a democracia não se esgota na política e a cidadania no voto, este espaço está aberto a tod@s @s que queiram contribuir! Seja um texto ou uma imagem, um vídeo ou uma música, um poema ou um disparate!

Podem enviar para:Viseuesquerda@gmail.com


Video Esquerda

Loading...

Text Widget

Text Widget

Com tecnologia do Blogger.

Seguidores