Viseu Esquerda

Vídeo: Kumpania Algazarra em Viseu - Natal 2009

sexta-feira, janeiro 22, 2010
Os Kumpania Algazarra visitaram Viseu a convite da Associação de comércio do distrito. Ficam aqui algumas imagens da festa que animou as ruas da cidade na semana que antecedeu o Natal de 2009 - Rossio, Rua Formosa e quatro esquinas foram os percursos. Poderiam ter actuado mais tempo se as tunas não tivessem interrompido indignamente o espectáculo. Não ficou registado em vídeo. Mas ficou a Festa em breves momentos. As imagens são uma gentileza do Bruno M.!


Read On 2 comentários

Bloco sai à Rua com Petição pelo alargamento do acesso ao subsídio de desemprego

quarta-feira, janeiro 20, 2010

Desde terça-feira que o BE anda a recolher assinaturas. Em Viseu a campanha decorre junto ao Centro de Emprego, Segurança Social, Central de Camionagem... Fica aqui a agenda!

Acesso ao subsídio de desemprego a quem descontou 6 meses no último ano. No mínimo, Justo! São 600.000 desempregados oficiais e 100.000 "invisíveis". Centenas de milhares já perderam o direito à prestação e a esperança de arranjarem novo emprego. Pobreza e miséria já são o quotidiano de 20% da população. O Governo mascara a situação com programas que apenas visam esconder o problema e vive na manipulação grosseira de dados estatísticos.

A solidariedade impõe-se! Lê o panfleto. Assina aqui a Petição ou faz o download da folha para imprimir.
Read On 0 comentários

Bloco Lança Plano Nacional de Reabilitação Urbana!

quarta-feira, janeiro 20, 2010

Saído após as primeiras Jornadas Parlamentares desta legislatura, o Bloco de Esquerda apresentou esta semana o Plano que pretende reabilitar os centros urbanos. As cidades vão-se transformando em gigantes Donuts (a expressão não é minha, mas é a melhor) em que o centro está vazio. Urge agir, e nada melhor do que conciliar o investimento público com a criação directa de empregos e pequenas empreitadas, a reabilitação, o combate à especulação imobiliária, o repovoamento do território e consequente melhoria da segurança.

"Esta medida distingue-se por ser:

1.

Estruturante - O PNRU permite responder a um enviesamento absurdo em benefício da construção nova, intervindo no sentido de alterar as prioridades e os estímulos públicos para promover a reabilitação;

2.

Pequeno e distribuído pelo território - A reabilitação urbana processa-se através de muitas pequena empreitadas, dirigidas a um sector de pequenas e médias empresas (as que enfrentam maiores dificuldades) em detrimentos das grandes construtoras que são sistematicamente protegidas pela lógica de concessão das grandes obras públicas;

3.


Gerador de concorrência - Para além de promover a concorrência no sector das empresas de construção, esta medida coloca uma nova pressão do lado da oferta no mercado imobiliário, forçando à baixa de preços e dificultando a especulação;

4.


Dinamizador do consumo - Essa redução do preço da habitação liberta uma parte maior do orçamento das famílias para outros tipos de consumo, com impactos virtuosos no conjunto da economia;

5.


Intensivo em Emprego - A reabilitação urbana é uma actividade mais intensiva em trabalho e mais qualificante do que a construção nova. Gera emprego que tem condições para se manter ao longo do tempo, até porque, infelizmente, o trabalho de reabilitação a fazer é enorme e, de qualquer forma, é uma necessidade continuada."

Ler mais em: Esquerda.net
Read On 0 comentários

Vídeo: Avatar - Um remake tecnológico de Pocahontas?

terça-feira, janeiro 19, 2010


É sabido que Avatar tem quebrado alguns recordes de bilheteira e é uma portentosa demonstração de tecnologia. Eu até gostei do filme e considero a mensagem positiva e ambientalista, mas de facto um bocado simplista. Para chegar ao público todo (o filme é para maiores de 6) e para "se pagar"o argumento não poderia ser muito mais complexo. Mas este trailer está simplesmente delicioso e de facto Avatar muitas vezes parece um remake tecnológico de... Pocahontas!


Read On 0 comentários

Vídeo: Humor, ou Não! Uma boa série de vulgares apanhados...

terça-feira, janeiro 19, 2010
Agora para desconversar um bocado, aqui vai uma dose de apanhados mais ou menos tradicional, mas original do Contra Factos e Argumentos, blog sobre grafias arrojadas.

Read On 0 comentários

China e Google em Guerra Aberta!

domingo, janeiro 17, 2010

A China constitui hoje um curioso case-study político: consegue conciliar o pior do comunismo com o pior do capitalismo selvagem. E até acertaram no slogan "um país dois sistemas". Serve para os casos de Hong Kong e Macau, serve para o Comunismo Neo-Liberal.

Em 2006 a Google entrou no esquema. Não no esquema habitual de colocar mão-de-obra quase escrava a produzir bens posteriormente vendidos a peso de ouro no ocidente. Mas até aqui inovaram. A empresa que revolucionou a optimização dos resultados com o seu motor de busca ao ponto de em poucos anos surgir nos dicionários o verbo "to Google" concebeu para a China um sistema de pesquisa censurado em que palavras como democracia, Tibete, Tianamen ou Dalai Lama pura e simplesmente não existem e onde os sites de empresas malvadas como a Disney ou a BBC News estão inacessíveis. Ou seja, aniquilou a principal vantagem do seu produto, a eficácia da busca, em benefício daquilo que imaginou como um dos mercados futuros com mais exponencial de crescimento.O slogan
"Don't be Evil" , esse ficou pela Califórnia.

Mas eis que a Google acorda para a realidade sombria que está a ajudar a construir e afirma peremptória em
comunicado:

"Já não estamos dispostos a continuar a censurar os nossos resultados (das pesquisas)"

É evidente que não foi uma decisão motivada apenas pelo peso da consciência. A Google não percebeu que quando se dá um abraço a uma ditadura, há sempre o risco de se começar a sufocar de tão apertado que é.

Foi o que aconteceu. Proveniente da China, a Google detectou
“um ataque sofisticado e direccionado” de piratas informáticos às contas de email de activistas dos direitos humanos chineses. Apesar de não ter confirmado a tese de espionagem por parte do governo chinês, a Google decidiu acabar com a censura nos seus motores de busca. Quem é que de resto estaria interessado em violar correspondência dos activistas que não a própria ditadura, que conta já com dezenas de presos políticos por delitos de opinião na internet?

Estes ataques “combinados com outras tentativas, nos últimos anos, para limitar a liberdade de expressão na Internet, fizeram-nos concluir que deveríamos rever a exequibilidade das nossas operações na China” acrescenta a Google. Na China ou em qualquer outro lugar do mundo onde os direitos humanos não estejam minimamente acautelados. Para a história, fica a lição.



imagem:
http://www.informationisbeautiful.net/
Read On 0 comentários

Museu do Quartzo, Equívocos Jornalísticos e Cidadãos-Reporters!

domingo, janeiro 17, 2010

Apesar de ainda não ser desta, o tema da inauguração do Museu do Quartzo voltou à agenda na forma habitual: Fernando Ruas anunciou pela centésima vez que "Falta mesmo só decidir a data da inauguração". Sobre o Funicular disse o mesmo, apesar da óbvia impossibilidade devido às sucessivas intervenções para melhorar a segurança.

Ao bom estilo da imprensa local, o frete lá foi publicado no Diário de Viseu de dia 11 de Janeiro, com uma bonita foto a condizer. É claro que ninguém foi ao local confirmar se realmente a obra estava pronta a inaugurar mal o presidente estalasse os dedos ou arranjasse uma data no apertado calendário. É claro que ninguém se deu ao trabalho de ir ao Monte de Santa Luzia tirar uma foto recente e lá se publicou uma imagem que de actual só tem a data de publicação. Pelo menos não ilustraram a notícia com a maqueta. Menos mau. Ainda não se bateu no fundo. Anda-se apenas pelo lodo...

Mas também está cada vez mais claro que hoje o monopólio da informação já não pertence aos media tradicionais. O voluntarismo dos cidadãos repórters tem-se afirmado cada vez mais por oposição ao carneirismo, ao seguidismo ou à simples falta de meios do mainstream e o maior exemplo disso aqui em Viseu é o
blog do AJ e a sua sempre atenta objectiva. Neste caso particular, basta dar aqui um salto para verificar que de facto nem a obra está pronta nem a foto publicada na imprensa “oficial” condiz com a realidade. Fosse isto um caso único, e até causaria admiração, mas com o cada vez mais moldado e minguado jornalismo, esta já é a regra e não a excepção.

Hajam mais AJ’s por aí e a
morte da dita na versão impressa chegará mais rápido do que o previsto. Entretanto valores como objectividade, rigor ou ética vão definhando ao sabor da lógica de mercado. Se é que já não sucumbiram por completo!
O Museu esse lá continuará à espera. De resto, um Museu único no país (quiçá no mundo) dedicado ao mineral... mais abundante da Terra! E esta hein!?
Read On 3 comentários

Blogues

Marcadores

O Melhor da Informação em pt

Stay Rude, Stay Rebel

Stay Rude, Stay Rebel
Stay rude against facist regimes, Stay rebel against politicians dreams, Stay rude and fight back injustice, Stay rebel against racial prejudice, Stay rude and stay cool, Stay rebel be nobodys fool, Stay rude against any command, Stay rebel take your life in your hand, Sharpskins remember their roots, Think with their brains not with their boots...

Author

E porque a democracia não se esgota na política e a cidadania no voto, este espaço está aberto a tod@s @s que queiram contribuir! Seja um texto ou uma imagem, um vídeo ou uma música, um poema ou um disparate!

Podem enviar para:Viseuesquerda@gmail.com


Video Esquerda

Loading...

Text Widget

Text Widget

Com tecnologia do Blogger.

Seguidores