Viseu Esquerda

Mercado 2 de Maio: Uma Oportunidade Perdida!


A Câmara Municipal de Viseu já admitiu que foram cometidos alguns erros de projecto na remodelação do Mercado 2 de Maio e já anunciou que este irá ser intervencionado para colmatar as falhas que tornaram este espaço emblemático da cidade numa coisa que ninguém sabe ainda bem o que é.
Eu acho que foi sobretudo uma oportunidade perdida no que toca à possibilidade de construção de um anfiteatro a céu aberto no centro da cidade que permitisse que os espectáculos programados anualmente para aquele espaço decorressem nas melhores condições acústicas e que os espectadores vissem e ouvissem na perfeição os artistas que ali actuam. O palco concebido para o efeito no projecto de Siza Vieira é manifestamente insuficiente para o efeito, porque tem uma altura mínima e não se previu nada para acomodar os espectadores que assim se têm de contentar com umas quantas cadeiras de esplanada colocadas todas ao mesmo nível e que dificultam imenso uma boa visibilidade sobre o espectáculo.
Os anfiteatros confundem-se há milénios com a própria cultura e são de facto a construção mais óbvia para a apresentação de peças teatrais, concertos de música, declamação de poesia, actividades circenses e as demais utilizações que se possam imaginar ao ar livre.
E isto não é nada de novo, havia-os na Grécia Antiga ou por todo o Império Romano, e continua a havê-los, aqui perto em Vouzela por exemplo, que é aliás um sítio bastante aprazível ou no distante Mogadouro, como se pode verificar na foto anexa.
Mas a moda dos pavilhões multiusos que de tantos usos acabam por não servir para quase nada é mais forte, sendo que não percebo esta necessidade de criar novos centros para a cidade se nem o centro que por estar na zona histórica o é por excelência acaba por ser aproveitado ou potencializado.
Se calhar agora é tarde demais para o fazer, mas se a CMV gastou 2 milhões de euros no Parque de Santiago para acolher a feira semanal e veio agora anunciar que afinal continuará tudo na mesma, não se poderia pensar nesta possibilidade, que se fosse avante até fomentaria só por si a formação de mais companhias de teatro ou bandas de música, através da recuperação do espírito inicial do Viseu Naturalmente que era verdadeiramente uma montra do que de melhor se fazia a nível musical na cidade?
0 comentários:

Enviar um comentário

Não serão aceites comentários em linguagem beirã*! Para isso visite www.fernandoruas2009.pt! (*insultuosa, mentecapta)

Blogues

Marcadores

Arquivo do blogue

O Melhor da Informação em pt

Stay Rude, Stay Rebel

Stay Rude, Stay Rebel
Stay rude against facist regimes, Stay rebel against politicians dreams, Stay rude and fight back injustice, Stay rebel against racial prejudice, Stay rude and stay cool, Stay rebel be nobodys fool, Stay rude against any command, Stay rebel take your life in your hand, Sharpskins remember their roots, Think with their brains not with their boots...

Author

E porque a democracia não se esgota na política e a cidadania no voto, este espaço está aberto a tod@s @s que queiram contribuir! Seja um texto ou uma imagem, um vídeo ou uma música, um poema ou um disparate!

Podem enviar para:Viseuesquerda@gmail.com


Video Esquerda

Loading...

Text Widget

Text Widget

Com tecnologia do Blogger.

Seguidores